terça-feira, 20 de outubro de 2009

DIAGRAMA: vida e morte


Algumas vezes me pego refletindo sobre a nossa existência, ou seja, da espécie Homo sapiens.
Outro dia, estava a “viajar na maionese” fazendo reflexões sobre nossa existência: vida e morte, dei asas à imaginação e cai em elucubração mental. Comecei a pensar na tênue “fronteira” que nos separa da vida e da morte, conceitos que nos incutam conscientemente ou inconscientemente. Mas, deixando os padrões estabelecidos de lado, comecei a elucubrar: será mesmo que dependendo do estado de energia que geramos no cotidiano, a energia que chamarei de alta energia ou energia up (positiva) e a baixa energia ou energia down (negativa) causam tensões intracelulares e extracelulares que podem levar, ora para maximização ou construção (anabolismo) , ora para minimização ou destruição (catabolismo) do sistema humano complexo que nos concede a vida ou a morte?
Desta reflexão, imaginei um diagrama que simboliza a interseção da vida e da morte que nos materializa como humanos, ou seja, nos humaniza. Que através do livre arbítrio temos a chance de trilharmos labirintos permanentes ou temporários que podem nos conduzir para vida ou para a morte?
Autor: Sylvio Fernando Mattos Xavier da Silva

2 comentários:

  1. Caro Sylvio,
    Acredito piamente que as energias, sejam elas positivas ou negativas, atuam como modificadoras de nossas células. As primeiras fortalecem nosso sistema imunológico. Já as outras facilitam o surgimento de doenças do corpo e da alma.
    Por isso, a importância de se fortalecer o interior, para que saibamos selecionar somente as energias, internas e externas, que contribuam para promover o nosso bem-estar.

    ResponderExcluir
  2. Acredito piamente que as energias, sejam elas positivas ou negativas, atuam como modificadoras de nossas células. As primeiras fortalecem nosso sistema imunológico. Já as outras facilitam o surgimento de doenças do corpo e da alma.
    Por isso, a importância de se fortalecer o interior, para que saibamos selecionar somente as energias, internas e externas, que contribuam para promover o nosso bem-estar.

    ResponderExcluir

VISITANTES